RIBEIRO ROCHA JULIO 
O JOIO FORA DA IGREJA
O JOIO FORA DA IGREJA

Assombrosa tem sido a decadência do homem conhecedor da palavra de Deus, que se desvia dos caminhos da Senhor, fazendo a obra contrária à do Evangelho da Salvação. Adultério, inveja, desarmonia. Pratica as coisas do reino deste mundo. E vive no meio do povo de Deus, desfrutando até de muito prestígio junto aos salvos em nosso Senhor Jesus Cristo.

Muitos dizem que o joio deve permanecer dentro da igreja, e quando o Filho do Homem  mandar  os seus santos Anjos eles separarão o joio do trigo, que se encontra no meio das igrejas. Para se justificar, eles citam Mateus 13:24-30.

Ora, veja bem:

 Os que aceitam estas coisas ou as pratica dizem que, quando Jesus vier, Ele mandará separar o joio do trigo. Eles se fundamentam na parábola de Mateus 13:24-30, os quais estão terrivelmente enganados, pois a parábola não diz isto.

Vejamos se é assim mesmo que Jesus falou, conforme está escrito:

“Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia boa semente no seu campo; Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se. E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio. E os servos do pai de família, indo ter com ele, disseram-lhe: Senhor, não semeaste tu no teu campo boa semente? Porque tem então joio? E ele lhes disse: Um inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Quereis pois que vamos arrancá-lo? 29 Porém ele lhes disse: Não; para que ao colher o joio não arranqueis também o trigo com ele. Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar, mas o trigo ajuntai-o no meu celeiro. (Mateus 13:24-30)

Jesus disse algumas parábolas, despediu a multidão e foi para casa, quando os discípulos se aproximaram dEle, dizendo-Lhe:

“....Explica-nos a parábola do joio do campo. E ele, respondendo, disse: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem; O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino, e o joio são os filhos do maligno; O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos. Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo. Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniquidade. E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes. Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.” (Mateus  13:36-42)

Portanto, já vimos que Jesus falou sobre o mundo – o campo -, jamais sobre a igreja.

Quando orou ao Pai por Seus discípulos, Jesus disse:

“Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os aborreceu, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo. Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal. Não são do mundo, como eu do mundo não sou. Santifica-os na verdade: a tua palavra é a verdade. Assim como tu me enviaste ao mundo, também eu os enviei ao mundo.” (João 17:14-18)

Mais uma vez Jesus falou sobre o mundo.

Mas, finalmente o que nos fala a Bíblia Sagrada sobre aqueles que adulteram, são perdoados e aceitos, como se nada houvesse acontecido?

E continuam adulterando! E a igreja perdoando! É um péssimo exemplo para o povo de Deus. É até motivo de crítica dos que vivem no reino deste mundo.

Sobre tal assunto, assim está escrito:

“GERALMENTE se ouve que há entre vós prostituição tal, qual nem ainda entre os gentios, como é haver quem abuse da mulher de seu pai. Estais inchados, e nem ao menos vos entristecestes por não ter sido de entre vós tirado quem cometeu tal ação. Eu na verdade, ainda que ausente no corpo, mas presente no espírito, já determinei, como se estivesse presente que o que tal ato praticou, Em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, juntos vós e o meu espirito pelo poder de nosso Senhor Jesus Cristo, Seja entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus.”(1ª. Coríntios 5:1-5)

            “Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais.Porque, que tenho eu em julgar também os que estão de fora? Não julgais vós os que estão dentro? Mas Deus julga os que estão de fora. Tirai pois de entre vós a esse iníquo.” (1ª. Coríntios 5:11-13)

“Mandamo-vos, porém, irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo o irmão que andar desordenadamente, e não segundo a tradição que de nós recebeu.” (2ª. Tessalonicenses 3:6)

O dicionário pátrio nos dar o significado dos nomes:

Maldizente: Que ou quem costuma falar mal dos outros. Difamador, Maledicente.

Avarento: Que ou o que tem avareza. Sovina.

Avareza: Apego sórdido ao dinheiro para o acumular. Mesquinharia.