RIBEIRO ROCHA JULIO 
PREGADORES BRASILEIROS RICOS
PREGADORES BRASILEIROS RICOS

 

Chefes de certas religiões, cheios de poder para os que não examinam as escrituras. Suas igrejas estão espalhadas por muitos países. Os tais chefes são riquíssimos. Donos de carros importados, jatinhos, helicópteros e outros bens. Possuem fazendas de gado. Eles adquiriram muitos bens com os dízimos, ofertas e doações.  Os nomes desses chefes religiosos foram divulgados pelas revistas Forbes/Estados Unidos e Veja/Brasil. E também  pela internet.

Não existe nenhuma complicação na Bíblia Sagrada se o homem é rico. Não obstante, se a riqueza foi conseguida de maneira desonesta, então a história muda de rumo!

Assim, enveredando pelo caminho da desonestidade, dezenas de chefões de diversificadas religiões se tornaram riquíssimos. Eles se utilizam dos dízimos, ofertas e doações. Com o dinheiro, que deveria ser aplicados a serviço do Reino de Deus, usam-no para o reino deste mundo.

Eles são ricos, poderosos e verdadeiros ídolos para os seus milhões de seguidores. Este universo de pessoas não para de crescer. E cresce com assustadora velocidade. Aliás, o ser humano é lesado continuamente. E não desperta para a realidade.

Pesa sobre eles a acusação de gastarem os dízimos, ofertas e doações para fins particulares, comprando bens para si mesmos. Isto tem sido motivos de vários escândalos.

Por outro lado, o ser humano por não gostar de lê, nada sabe das Escrituras Sagradas. E sobre isto assim está escrito:

“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”(João 8:32)

Desta maneira, o homem vira escravo dos que negociam a palavra de Deus. E os enganadores e seus milhões de seguidores andam pela estrada da perdição porque assim não servirão ao Senhor nosso Deus.

O que a Bíblia diz sobre os tais?

  “RESTA, irmãos meus, que vos regozijeis no Senhor. Não me aborreço de escrever-vos as mesmas coisas, e é segurança para vós.  Guardai-vos dos cães, guardai-vos dos maus obreiros, guardai-vos da circuncisão;” (Filipenses 3:1-2)

“Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras; e qualquer que ama e comete a mentira.”(Apocalipse 22:15)

Quem são os tais cães?

Isaías, capítulo 56, versículos 10 a 12, explica quem são eles.

Vejamos:

“Todos os seus atalaias são cegos, nada sabem; todos são cães mudos, não podem ladrar; andam adormecidos, estão deitados, e gostam do sono. E estes cães são gulosos, não se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, cada um por sua parte. Vinde, dizem, trarei vinho, e beberemos bebida forte; e o dia de amanhã será como este, e ainda muito mais abundante.”

Eles estão por toda parte. É difícil encontrar uma igreja que não tenha um destes cães ou vários. Os quais, com sua ganância,mantém os seus seguidores longe da verdade bíblica.

Os tais obreiros fraudulentos jamais pregarão sobre ajudas os necessitados em suas dificuldades. Seu rebanho segue o mesmo caminho. Falta-lhe o conhecimento.

Deus diz em Oséias, capítulo4, versículo 6, que o Seu povo foi destruído por falta de conhecimento.

Assombrosamente, milhões de milhões andam pelo caminho bem largo, cuja porta é bem espaçosa – a perdição eterna. Tudo isto ocorre na vida física. Em vida carnal!

Não obstante, ainda há tempo. O Reino de Deus é oferecido a todos que estão vivos na carne, porém, mortos espiritualmente.

Como sair das trevas, onde o rei é o inimigo das nossas almas?

Esta resposta saiu dos lábios de Jesus.

Jesus estava com os seus discípulos quando foi procurado por um jovem rico, que Lhe disse:

“Bom Mestre, que bem farei, para conseguir a vida eterna?” (Mateus 19:16)

Ele, então, fez uma pergunta ao jovem rico, dando-lhe duas respostas, conforme nos descreve o versículo 17, do mesmo capítulo 19, de Mateus, como se vê:

“Porque me chamas bom? Não há bom senão um só, que é Deus. Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos”

E jovem perguntou:

“Quais?”

Respondeu-lhe Jesus:

“Não matarás, não cometerás adultério, não furtarás, não dirás falso testemunho;  Honra teu pai e tua mãe, e amarás o teu próximo como a ti mesmo.” (Mateus 19:18-19)

O jovem acreditando que teria conquistado a vida eterna, justificou-se:

“Tudo isso tenho guardado desde a minha mocidade; que me falta ainda?” (Mateus 19:21)

Com esta resposta, Jesus mostra ao jovem qual seria o caminho da salvação, conforme Mateus, capítulo 19, versículo 21, que diz:

“Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, e segue-me.” 

Porém, o jovem, que era rico, retirou-se triste, pois era dono de muitas propriedades.

Diante da reação daquele jovem, Jesus disse aos Seus discípulos:

“Em verdade vos digo que é difícil entrar um rico no reino dos céus.  E outra vez vos digo que é mais fácil passar um camelo pelo fundo duma agulha do que entrar um rico no reino dos céus.” (Mateus 19:23-24)

Admirados com o que acabara de ouvir, os discípulos perguntaram:

“Quem poderá pois salvar-se?” (Mateus 19:25)

E Jesus lhes respondeu:

“Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível.”