RIBEIRO ROCHA JULIO 
JESUS OROU PELOS SEUS DISCÍPULOS
JESUS OROU PELOS SEUS DISCÍPULOS

 

Jesus levantou os seus olhos ao Céu, e disse ao Pai:

“´...É chegada a hora; glorifica a teu Filho, para que também te glorifique a ti. Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna a todos quantos lhe deste.” (João 17:1-2)

Jesus orou ao Pai que não tirasse os seus discípulos do mundo, conforme o Evangelho de São João 17:14 a 16, e assim disse Jesus:

“Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os aborreceu, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo.  Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal. Não são do mundo, como eu do mundo não sou.” 

O que significa  “Não são do mundo, como eu do mundo não sou”?

Os discípulos não praticaram as coisas do mundo.

Os que são do mundo se deleitam com as coisas que o deus deste mundo lhes oferece.

As coisas deste mundo são: Prostituição, devassidão, roubalheira, mentira, homicídio, furto, os que dizem amar a Cristo, mas não cumprem os Seus mandamentos, bebedeira, sodomização,  feitiçaria, umbanda, espiritismo, orgulho, vaidade, maledicência, intriga, glutonaria, ganância, coisas indecentes na intenet, na televisão, revistas pornográficas,  novelas, Big brother Brasil, a fazenda, filmes, palavras obscenas, fornicação, etc.

Aqueles que praticam tais coisas, de maneira nenhuma entrarão de Deus, se não se arrependerem dos seus pecados, aceitando a Jesus como o seu ÚNICO, SUFICIENTE E ETERNO SALVADOR E REDENTOR DE SUA ALMA.