+250 Plataformas Grátis com cPanel, PHP, MySQL, Emails e SSL Grátis
Cap 127 Fui à Justiça
Cap 127 Fui à Justiça

 

          Possuindo cópias de todos os documentos, procurei o doutor José de Ribamar, ao qual passei procuração para impetrar mandado de segurança junto ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, objetivando anular a minha exclusão. Aquele ato imoral teria que ser nulo, pois para a Polícia Militar e o IPE eu não existia. O mais grave é que eu havia perdido as minhas prerrogativas de subtenente. Não tinha nem documentos!

O doutor Ribamar ajuizou a ação, na qual requeria a anulação daquele ato cruel, bem como a minha reintegração à Reserva Remunerada da Polícia Militar. Este procedimento levaria meses para ser julgado, que para mim e minha família, representariam anos de sofrimento.

Os meus malditos algozes ao tomarem conhecimento sobre a ação procuraram me ridicularizar, dizendo:

“Ganha nada!... O nó que foi dado, ninguém desmancha”.

Outros descaradamente, diziam-me:

“Estás perdendo o teu tempo, Júlio! Você não ganha esta, não. Estás lascado!...”

Aqueles que me chamavam de herói, quando se encontravam comigo, viravam-me as costas. Muitos baixavam a cabeça querendo esconder  a  sua  fraqueza  ou  faziam  que não me viam. Mas, quando eles precisaram de uma voz forte para defendê-los, foi a minha que ouviram bradar em todos os quartéis sem nenhum temor à tirania dos poderosos coronéis de inteligência obscurecida pelo maléfico desejo que os mantinha  no poder.

Certa manhã, eu estava conversando com um cabo, quando um capitão o chamou, com o qual conversou de maneira grosseira, porém, não tive condições de escutar. O cabo, muito revoltado, retornou à conversa quando lhe perguntei:

  • O que foi que ele falou, cabo, que você ficou tão chateado?
  • Esse capitão me chamou para dizer: “Na próxima vez que eu encontrar você conversando com este subtenente velho que fez uma greve e deu em nada, eu lhe dou uma cadeia”.

Cruel!!... Infeme!!...  A greve rendeu ao capitão e toda a tropa o maior aumento concedido nos últimos dez anos.