Criar um Site Grátis Fantástico
Cap 138 Mais massacre contra minha família
Cap 138 Mais massacre contra minha família

 

           Meus perversos  algozes se aproveitaram do meu afastamento de casa, patrocinaram mais um ato mesquinho e safado  contra minha família. É que um dos meus filhos foi ao Serviço dos Inativos, a fim de apanhar o meu contracheque no dia de pagamento, o qual lá não se encontrava. A informação que prestaram ao meu filho foi que o meu salário havia ficado retido, com o objetivo de pagar uma conta que eu estava devendo à Associação de Cabos e Soldados, e que só terminaria no mês seguinte.

Aquela informação mentirosa e descarada causou profunda revolta à minha esposa e aos meus filhos.

Aparecida, minha mulher, telefonou ao cabo Sobrinho, presidente daquela entidade, - aquele mesmo cabo Sobrinho que me negara os vales refeição -, cujo cidadão ainda tentou contestar a informação dela de que eu não havia efetuado nenhuma compra por lá, de onde eu não era sócio.

Pela conversa, o presidente da Associação de Cabos e Soldados queria estender o sofrimento de minha família, razão que me fez telefonar ao subtenente José Matias do Nascimento, ao qual solicitei que fosse procurar o dito cabo Sobrinho  e o aconselhasse a devolver o que me pertencia.